"Pedras no caminho? Guardo-as todas, um dia vou construir um castelo... " Fernando Pessoa

12
Abr 16

Existe uma palavra que corre solta e facilmente por aqui e por ali...a palavra gentileza.

 

Gentilmente, deveríamos de julgar menos, respeitar mais. A minha dor não é a tua, e a tua não é a minha. Só nós temos acesso aos confins do eu. O filme da nossa vida, onde estão todas as nossas memórias,alegrias, tristezas, sofrimentos, erros e aprendizagens, não passa numa sala de cinema, mas dentro de nós.

 

Gentilmente, deveríamos nos conectar mais, ter mais empatia. Se olhas para os teus pares como seres humanos, e não como indivíduos de outra nacionalidade, de outra etnia ou outra cultura, então pratica um exercício todos os dias, pondo simplesmente a questão: e se fosse eu? Colocarmo-nos nos pés dos outros, ter empatia, enriquece-nos quanto eu, enquanto nós, humanidade.

 

Gentilmente, deveríamos ser mais cientes do passado para construir um futuro melhor. Os erros foram feitos para aprendermos com eles. É certo que viver não é fácil, e a vida não vem com um manual de instruções. Mas ao menos, aproveitamos os erros para saber o que não fazer, ou fazer diferente.

 

Gentilmente, deveríamos amar mais e odiar menos. Amar não é só um verbo, então não o uses de forma leviana. Ama com os actos, não somente com as palavras.

 

Gentilmente, sê gentil. Acredita, é contagioso.

 

 

publicado por Quem ontem fui já hoje em mim não vive às 22:51

Abril 2016
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30


subscrever feeds
mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

5 seguidores

pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Twitter
As minhas Imagens favoritas
blogs SAPO